PARECE, MAS NÃO É!*

A doença transmitida por ratos é a lectospirose. Certo?
Não. É a LEPTOSPIROSE.

Aquele arroz de grãos grandes e que fica sempre soltinho é o tipo parbolizado?
Não. É PARBOILIZADO.

O Marley (aquele cãozinho do livro/filme) é um lavrador. Certo?
Não. É um LABRADOR.












Uma rua cheia de árvores é uma rua arvorizada. Certo?
Não. É uma rua ARBORIZADA.


Duas casas iguais são casas germinadas. Certo?
Não. São GEMINADAS (de gêmeas, duplicadas).
(Quer dizer... Se sua casa foi algo que brotou na terra, aí está certo! rs)



*Tópico incentivado por meu amigo Aldieris Nunes.

5 comentários:

  1. kkkk

    Aproveitando *Titulo, comecei a seguir seu blog...

    Foi bem fácil, não teve *democracia que me fizesse desistir...rss

    Parabéns pelo post Lili.

    Abs,

    ResponderExcluir
  2. Duas "casa" iguais ou duas "casas" iguais?

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu blog, imprimi inteirinho, rsrsrsrsr

    ResponderExcluir
  4. Legal o blog, parabéns! Quando li esse post logo lembrei do famoso e não menos controverso deDetizar :)

    -Marcio

    ResponderExcluir
  5. Por favor, ajude-me com uma dúvida? Qual é o pronome correto a ser usado com você em situações como o exemplo da frase abaixo:

    Se você estiver com medo, me avise que eu A acompanho.

    Ouço muita gente dizer (...), me avise que eu TE acompanho. Mas isso é errado, porque TE refere-se ao pronome Tu, correto?

    Agora, no exemplo

    Em Portugal diz-se

    Gosto de você e por isso quero estar consigo.

    No Brasil soa-me bem errado, mas é comum:

    Gosto de você e por isso quero estar com você.

    ou ainda,


    Você sabe que eu te amo!

    Não seria:

    Você sabe que eu a amo!


    Grata!

    Helen





    ResponderExcluir